Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 24 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Tucanos pisando em ovos na região


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

18/05/2017 | 07:00


Após meses de negação, o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), admitiu concorrer à Presidência da República, desde que haja processo de prévia interna. Até então, Doria falava que o presidenciável dele era o governador Geraldo Alckmin (PSDB), de São Paulo. O clima ferveu nos bastidores, com cotoveladas para tudo quanto é lado. No Grande ABC, a briga é vista a distância por enquanto. Muitos dos quadros políticos daqui têm pé atrás com Alckmin, porque o governo do Estado pouco ajuda as prefeituras com verbas diminutas – por isso eleger Doria a presidente seria um tapa com luva de pelica no governador. Porém, sabem que ele detém grande influência dentro do tucanato, e que pode atrapalhar movimentos futuros desses políticos.

Habitação
Secretário de Habitação do Estado, Rodrigo Garcia (DEM) prometeu iniciar projetos habitacionais para Mauá. O democrata, em rápida conversa com o Diário, falou em reformas de unidades habitacionais já existentes, construção de prédios e até orientar amplo plano de regularização fundiária na cidade, um dos grandes problemas de Mauá. Parte dos projetos foi mostrada ontem para o vereador mauaense Manoel Lopes (DEM). “Estamos de olho no Grande ABC. Iniciamos pelo Centreville (em Santo André) e continuaremos em Mauá”, disse Garcia.

Justificativa – 1
Primeira suplente de vereadora em Mauá, Wanessa Bomfim (PDT) explicou sua aparição na Câmara de Mauá, na sessão de terça-feira. Justificou que não está mais como funcionária na gestão de Atila Jacomussi (PSB) e que foi uma das responsáveis pela confecção do projeto de regularização de atuação de ambulantes na cidade. “Sou madrinha desta causa.”

Justificativa – 2
Wanessa Bomfim diz que saiu do governo de Atila Jacomussi (PSB) no pacote de exonerações com a reforma administrativa e que não chegou a um acordo com o chefe do Executivo sobre seu retorno. Dizem, nos bastidores, que Atila pediu que ela renunciasse à primeira suplência de vereadora e se filiasse no PSB, para engrossar lista de apoiadores das candidaturas do Paço a deputado.

Cão de guarda
Líder do governo de Orlando Morando (PSDB) na Câmara de São Bernardo, Ramon Ramos (PDT) ontem, na sessão, trabalhou como verdadeiro cão de guarda da gestão. Durante protestos de mães sobre o programa Tempo de Escola, liderou as discussões e esclarecimentos. Também foi responsável por tratar diretamente com a oposição, que ameaçava explorar notícias negativas da gestão tucana.

Pressão
Sindicatos da região iniciaram pressão contra o deputado federal Alex Manente (PPS), cobrando posicionamento do popular-socialista com relação à votação da reforma da Previdência. Mensagens foram disparadas pelas redes sociais e WhatsApp, com telefone e e-mail legislativos dele, pedindo para que Alex vote contra o projeto.

Cirurgia
Ex-vice-prefeito de Ribeirão Pires, Edinaldo de Menezes, o Dedé (PPS), sofreu infarto na quinta-feira e precisou passar por procedimento cirúrgico – passou por angioplastia. Ele publicou vídeo agradecendo aos profissionais do Hospital Ribeirão Pires e do Hospital Brasil, que foram responsáveis pelo atendimento ao popular-socialista. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados