Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Pedir 2ª via da
CNH fica mais simples


Do Diário OnLine

14/03/2017 | 19:07


A partir desta terça-feira, a segunda via da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) poderá ser requerida ao Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo) sem necessidade de justificativa do pedido.
 
Uma nova via da CNH, emitida com a mesma validade da anterior, pode ser solicitada quando o documento estiver em mau estado de conservação ou ainda por motivo de perda, furto ou roubo. Agora, para obter a segunda via da habilitação, o condutor deverá apresentar apenas um documento de identificação. Não será mais exigido Boletim de Ocorrência, declaração de perda, roubo ou extravio ou a CNH em mau estado de conservação.
 
É possível solicitar a segunda via do documento pelo aplicativo do Detran-SP, que está disponível gratuitamente para smartphones e tablets com sistema operacional iOS ou Android. Para baixar é só acessar as lojas virtuais Apple ou Google Play e digitar “Detran.SP” na busca. Depois de fazer o download, o acesso ao serviço online "Pedir 2ª via da CNH” pelo app é feito com o mesmo login e senha de cadastro do portal do Departamento de Trânsito. A 2ª via da habilitação também pode ser solicitada pelo próprio portal www.detran.sp.gov.br.
 
Para receber o documento em casa, após fazer o pedido eletrônico basta pagar a taxa de emissão de R$ 41,37 e o custo de envio pelos Correios de R$ 11 em agências, caixas eletrônicos ou pelo internet banking dos bancos conveniados. A entrega é feita em até sete dias úteis depois da emissão, no endereço em que a CNH está registrada. Por isso, é imprescindível que o endereço esteja atualizado.  No próprio app é possível acompanhar se o documento já foi emitido e obter o código de rastreamento da entrega. 


Leia mais



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.