Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Petróleo incentiva energias renováveis


Do Diário do Grande ABC

14/01/2017 | 09:07


Artigo

Acontece semana que vem, em Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes, a Cúpula Mundial de Energias do Futuro (World Future Energy Summit, na sigla em inglês WFES), que tem como objetivo discutir a agenda global sobre o futuro das energias renováveis, tecnologias limpas e sustentabilidade. Durante uma semana líderes governamentais de todo o mundo e empresários de mais de 600 companhias de 32 países debaterão propostas de transição da atual matriz energética global para produção mais limpa e renovável.

O evento, que discute a redução do uso de combustíveis poluentes, acontece há dez anos no país que atualmente é o sexto maior produtor de petróleo do mundo. Pode parecer estranho, mas não é. Os Emirados Árabes, apesar de terem se transformado em símbolo de riqueza e prosperidade advindo do petróleo, querem mostrar ao mundo que o futuro está na tecnologia, na inovação e nas energias renováveis.

O Estado de São Paulo é um dos líderes mundiais na produção de energias renováveis. Enquanto o mundo apresenta aproximadamente 13% da participação de renováveis em sua matriz, o Brasil chega a cerca de 42% e o Estado de São Paulo passa de 58%.

Em 2017, São Paulo se tornará o segundo maior produtor de petróleo do Brasil e a estimativa é que a produção cresça ainda mais nos próximos anos. Isso faz com que tenhamos horizonte promissor, assim como Abu Dhabi teve há 30 anos, mas com a vantagem de que já temos a energia renovável em nosso DNA.

Durante a próxima semana irei participar do WFES, onde terei encontros com líderes globais na produção de petróleo e também de energias renováveis. Como estratégia do governo Geraldo Alckmin, queremos estabelecer ações conjuntas para promover produção de petróleo e gás natural mais sustentável e que gere impactos positivos nas economias paulista e brasileira. Vamos também apresentar nossas políticas de energias renováveis e angariar ainda mais conhecimento para incentivar a produção de energia limpa.

Ainda em Abu Dhabi, irei participar do Prêmio Zayed de Energia do Futuro, que contempla com até US$ 100 mil projetos de escolas que promovam o uso de energia renovável e de ações sustentáveis. Para nosso orgulho, a Escola Estadual Prof. Dimas Mozart e Silva, de Taquarituba, Interior de São Paulo, é finalista desse prêmio.

Vamos torcer pelos nossos estudantes, que representam aquilo que queremos para o Estado de São Paulo, futuro promissor com mais energia limpa e renovável.

João Carlos de Souza Meirelles é engenheiro e secretário de Energia e Mineração do Estado de São Paulo.

Palavra do leitor

Armadilha
Precisamos urgentemente de órgão independente para desbaratar armadilha da Prefeitura e do Detran de São Bernardo, feita na administração petista, que está cassando a CNH de todos que dobram a Rua Jurubatuba com a Rua Príncipe Humberto, no sentido de quem pretende alcançar a Avenida Prestes Maia. Como nesse local há semáforos e radares multadores, quem dobra a Príncipe Humberto com essa finalidade é multado, pois logo acima, 40 metros, tem semáforo que não é sincronizado e fecha para quem faz essa conversão, enquanto um dos dois também fecha, e o condutor fica preso em congestionamento que se forma nessa conversão e, se o semáforo da Jurubatuba fica vermelho, mesmo que você esteja preso nesse congestionamento logo após o farol, na faixa, a multa vem, com sete pontos na CNH. Não há como ver esse farol antes da conversão. Muitos já evitam passar por essa arapuca, fazendo percurso bem mais longo. Façam levantamento de quantas multas são aplicadas por dia nessa armadilha no período de término das férias. A Jari não dá conta de analisar as multas nem assina o formulário. Lá a indústria da multa está a todo o vapor.
Aguinado Parreira
São Bernardo

Sexta, 13
Ontem foi a primeira sexta-feira 13 de 2017. Saravá, amigos brasileiros! Isso fez os mais de 12 milhões de desempregados lembrarem com muita tristeza os 13 anos de desgoverno do partido 13. Os funcionários públicos de Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul devem ter ficados bem cientificados do mal que esse partido lhes proporcionou.
Benone Augusto de Paiva
Capital

Esgoto entupido
Estamos com vazamento de esgoto e com a rede de dejetos totalmente entupida desde a semana antes do Natal no Rudge Ramos, em São Bernardo. Todos os vizinhos já ligaram, inclusive para a Ouvidoria da Sabesp, mas é sempre a mesma história: está verificando. A boca de lobo da esquina das ruas Ida Leone Cleto com Abraão Saloti está transbordando desde o Natal e com o sol forte ninguém aguenta o mau cheiro. Vieram vários carros da Prefeitura de São Bernardo e da própria Sabesp, mas a única coisa que fizeram foi jogar manta na boca de lobo, o que só piora a situação, que está ficando insuportável, pois a água das residências não tem saída e os ralos transbordam mesmo em dias em que não há chuva. Em algumas casas o esgoto volta pelos ralos do quintal e banheiro, pois não tem para onde ir. O último retorno dado pela Sabesp é o de que a tubulação está rompida, mas não sabe onde. Estamos há mais de 20 dias com esse problema e, agora, com as fortes chuvas, a situação só tem se agravado.
Marcia Regina Brunner
São Caetano

Aditamento
O prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), não fez nenhum aditamento de contratos na área de limpeza, conforme publicado neste Diário (Política, ontem). As contratações citadas pelo periódico referem-se a prorrogação e aumento executados pelo ex-prefeito Donisete Braga (PT) no dia 30 de setembro, no caso da empresa Lara Central de Tratamento de Resíduos Sólidos, que é responsável pela coleta e transporte de lixo no município; e dia 23 de dezembro, no caso da Demax Serviço e Comércio, encarregada de manter a limpeza em prédios públicos.
Prefeitura de Mauá

Mocidade
Prefeitos que hoje comandam as prefeituras do Grande ABC, região que conheço bem, são todos relativamente jovens. E esse foi um dos motes de campanha. Renovação, ideias novas, juventude, energia, entusiasmo, criatividade e inquietude são palavras que podem ser associadas à juventude. O jovem é a força motriz capaz de desencadear grandes mudanças na sociedade. Olha o contrasenso: na hora de escolher os secretários, que são quem de fato administram, recorrem aos mesmos de décadas passadas. Com exceção de alguns, muitos deles, pessoas idosas, já aposentados, oriundos de outros órgãos públicos. Questionado por este Diário por que da escolha, respondem que foram nomeados pela experiência. Ora, não seria melhor pela competência? A juventude não tem capacidade? O filósofo Walter Benjamim atribui à juventude espírito capaz de transformar a sociedade. John D. Rockefeller disse: ‘Prefiro contratar um homem entusiasmado a um homem que sabe tudo’.
Orbino Domingues Vieira
Santo André 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados