Publicado em sábado, 20 de novembro de 2010 às 08:37

Uniban: alunos propõem soluções para a sociedade


Deborah Moreira
Do Diário do Grande ABC

Incorporar notícia

Ricardo Trida/DGABC

Em muitas ocasiões de dificuldades uma simples ideia pode revolucionar e tornar a vida mais fácil e descomplicada. Foi com esse pensamento que cinco alunas do curso de Farmácia do campi Uniban São Bernardo idealizaram o projeto Inclusão no SUS da Assistência Farmacêutica domiciliar a pacientes portadores de doenças crônicas.

O trabalho foi escolhido entre 54 apresentados pelos estudantes da unidade para representar o Grande ABC na primeira edição do Fórum Universitário, Ciências Aplicadas às Concentrações Humanas, promovido pela instituição. O evento contou com a adesão de 2.108 alunos e professores orientadores da área da graduação, de todos os campus e é uma extensão do programa de iniciação científica e foi focado na busca de soluções para questões sociais urbanas como enchentes, trânsito e saúde preventiva.

No total, 12 trabalhos foram selecionados entre os 305 apresentados. Na próxima etapa, que acontecerá sábado, 27, no Centro de Convenções do Anhembi, na Capital, serão escolhidos os três melhores projetos, que receberão prêmios. Para a primeira colocação será um carro zero-quilômetro para o grupo e cruzeiro marítimo para todos os integrantes. Para o segundo lugar, um notebook para cada um da equipe e, em terceiro, um smartphone para cada um.

"Ficamos sabendo ontem e estamos surpresas. Tinha muito projeto bom na área de transporte", exclamou Gisele Bertolli Suzuki, 40 anos, uma das integrantes do grupo vencedor da região. No entanto, ela e as demais contaram que se dedicaram muito e que só pela oportunidade de realizar o estudo já foi válido.

"Pensávamos que o maior desafio seria o de estimular o interesse dos alunos cuja adesão, contudo, foi verdadeiramente espantosa. O maior desafio passou a ser do julgamento. Cada projeto trouxe uma contribuição e um mérito próprios e de difícil comparação", explicou Ellis Wayne Brown, Vice Reitor de Desenvolvimento e Qualidade Educacional.EM

Com objetivo de contemplar uma resolução da Anvisa, que regulamentou a assistência farmacêutica no SUS (Sistema Único de Saúde) deste ano, o projeto oferece atendimento domiciliar a doentes crônicos que acabaram de receber o diagnóstico. "Fizemos com base no relato de um médico do SUS com objetivo de implantar de fato assistência farmacêutica no SUS, que ainda não é uma realidade. O que pode levar a reduzir muitos gastos com a prevenção", disse Islani Thomazini, 28. Ela, Gisele e as demais integrantes - Celia Moraes, Ana Lucia da Silva e Crislene Beserra - também ressaltaram a importância de mostrar que farmacêutico não é somente um balconista, mas que está capacitado para orientar sobre interações com medicamentos.



Veja Também

Tags

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Revista Playboy Revista Sexy Palmeiras Corinthians São Paulo Santos Portal Santo André Portal São Bernardo Portal São Caetano Portal Diadema Portal Ribeirão Pires Portal Mauá Portal Rio Grande da Serra Portal Grande ABC Ronan Maria Pinto Notícias Regionais Política Regional Vídeos de Santo André no ABC Paulista Vídeos de São Bernardo no ABC Paulista Vídeos de São Caetano no ABC Paulista Vídeos de Diadema no ABC Paulista Vídeos de Mauá no ABC Paulista Vídeos de Rio Grande da Serra no ABC Paulista Vídeos de Ribeirão Pires no ABC Paulista