Setecidades

São Caetano reinaugura UBS, que terá programa Remédio em Casa


 A Prefeitura de São Caetano reinaugurou ontem a UBS (Unidade Básica de Saúde) no bairro Prosperidade, que possibilitará a adoção do programa Remédio em Casa para a região.

O projeto envolve o cadastro de pacientes com hiperdia (hipertensos e/ou diabéticos) por meio de prontuário eletrônico. Dessa forma, as equipes de saúde poderão monitorar a quantidade de medicamento e por quanto tempo haverá o remédio. O usuário receberá nova cartela assim que os itens estiverem para acabar, sem a necessidade de novo pedido. Essa primeira etapa do programa envolve 6.000 pessoas.

O prefeito José Auricchio Júnior (PSDB) homenageou a neta e a bisneta de Maria Corbeta Segato, que dá nome à unidade. Maria Aparecida Segato Moreno e Adriana Segato Moreno receberam placa das mãos de Auricchio e da primeira-dama Denise Auricchio.

No discurso, Auricchio enalteceu o papel industrial do bairro Prosperidade para São Caetano, dizendo que a administração precisa de olhar carinhoso aos moradores do local. “Temos atenção muito especial ao bairro, especialmente na saúde. Essa reinauguração marca o início de um salto de qualidade nos serviços públicos oferecidos aqui”, declarou, ao anunciar que o bairro Prosperidade será o primeiro a receber a unidade avançada do Atende Fácil.

Inaugurada em 1968, a UBS do bairro Prosperidade passou por reforma que contou com a construção de dois novos consultórios, escovódromo e sala de acolhimento, além de adaptações para plena acessibilidade, climatização (com instalação de ar-condicionado) e adequações na rede lógica para a implantação do prontuário eletrônico. O investimento foi de R$ 215 mil. A unidade oferece atendimentos em clínica médica, ginecologia, pediatria, odontologia e estratégia saúde da família.

Comentários


Veja Também


São Caetano reinaugura UBS, que terá programa Remédio em Casa

 A Prefeitura de São Caetano reinaugurou ontem a UBS (Unidade Básica de Saúde) no bairro Prosperidade, que possibilitará a adoção do programa Remédio em Casa para a região.

O projeto envolve o cadastro de pacientes com hiperdia (hipertensos e/ou diabéticos) por meio de prontuário ele...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar