Internacional

Turquia sediará reunião de líderes muçulmanos após ação de Trump sobre Jerusalém

O porta-voz do governo da Turquia, Ibrahim Kalin, disse que o presidente Recep Tayyip Erdogan está convidando líderes dos membros da Organização para a Cooperação Islâmica (OCI) para uma reunião extraordinária para discutir o status de Jerusalém na próxima semana.

Kalin disse a repórteres nesta quarta-feira que a reunião, prevista para 13 de dezembro, dará oportunidade aos líderes dos países muçulmanos para que atuem em conjunto e se coordenem após um discurso do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, onde ele deve anunciar que reconhece Jerusalém como a capital de Israel.

Kalin também afirmou que o país pede que o governo dos EUA "se afaste imediatamente desse grave erro que praticamente eliminará o frágil processo de paz no Oriente Médio". Na terça-feira, Erdogan comentou que Jerusalém era uma "linha vermelha" para os muçulmanos e poderia levar a Turquia a cortar os laços diplomáticos com Israel. Fonte: Associated Press.


Comentários


Veja Também

Tags

turquia trump jerusalém

Mais Destaques


Voltar