Nacional

Quadrilha nigeriana usa foto de neurocirurgião para extorquir mulheres


A foto e as publicações do neurocirurgião Fernando Gomes estão sendo utilizadas por uma quadrilha nigeriana especializada em extorquir mulheres. Gomes é livre docente de Neurocirurgia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) e colaborador do programa Aqui na Band, na TV Bandeirantes.

Os criminosos usam imagens do neurocirurgião para seduzir mulheres e convencê-las a depositar uma determinada quantia em dinheiro na conta da quadrilha. A notícia foi veiculada no jornal espanhol El Mundo no sábado, dia 19.

À reportagem, o neurocirurgião explica como ficou sabendo do roubo de identidade. "Através das minhas redes sociais oficiais. Pessoas e amigos perceberam os perfis fakes e receberam solicitações de amizade. Depois, recebemos o contato dos jornalistas do El Mundo quando a notícia chegou até eles", explica Gomes - que também já foi colunista do programa Encontro com Fátima Bernardes, da TV Globo.

Fernando Gomes ressalta que o roubo de sua identidade na internet atinge todos que usam a rede social. "Essa violência não é só contra mim, mas contra todos os meus seguidores e, além de roubarem dinheiro, roubam a confiança, a segurança e a sensação amorosa que meus seguidores têm comigo. É um lado extremamente negro da rede social - a qual cuido com muito carinho e atenção sempre", avalia.

No ano passado, quando o neurocirurgião começou a perceber esses perfis fakes, fez um boletim de ocorrência com a ajuda da assessoria jurídica dele. "Notificamos o Instagram e também o Facebook, assim como nossos seguidores a bloquear e denunciar esses perfis. Soube que essa quadrilha da Nigéria já conseguiu quase meio milhão de euros utilizando meu nome e imagino que isso esteja acontecendo ao redor de todo o mundo. Com a ajuda da polícia e da mídia, estamos tentando uma força tarefa para orientar essas mulheres que estão sendo ''"seduzidas'' pela minha imagem para que não caiam nesses golpes", alertou.

Nesta segunda-feira, 21, o médico publicou no Instagram uma foto dele em um passaporte falso. "Será que eu vou precisar ficar mais famoso que o Tom Cruise para que ninguém caia nesta rede de scammers? Por favor, avisem todas as pessoas que puderem", pediu Fernando Gomes.

Comentários


Veja Também


Quadrilha nigeriana usa foto de neurocirurgião para extorquir mulheres

A foto e as publicações do neurocirurgião Fernando Gomes estão sendo utilizadas por uma quadrilha nigeriana especializada em extorquir mulheres. Gomes é livre docente de Neurocirurgia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) e colaborador do programa

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar